#lei

Amora

Amora é uma cachorrinha muito levada e está sempre arrumando confusão por onde passa. Se ela vê roupas penduradas no varal, pode apostar que ela vai pular, abocanhar e sair correndo com a roupa pra lá e pra cá. Foi sempre assim, a Amora não podia ver nada se mexendo que ela já ia correndo abocanhar. E se você deixasse algo no chão, só arrumaria mais confusão, pois não importa onde esteja, Amora vai pegar!

Esses dias estávamos assistindo TV e, de repente, PUUF, a TV desligou. Adivinhem quem foi. Claro que só poderia ser ela, a Amora; acreditem se quiser, mas ela arrancou o fio da tomada.

Outro dia aconteceu algo inesperado, meu pai perdeu o cinto e ele estava desesperadamente gritando: CADÊ O MEU CINTO? Vocês já conseguiram adivinhar com quem estava? Claro que com a Amora.

De tão arteira que a nossa cachorrinha Amora é, demos a ela um apelido de AMORA TRAVESSA, isso porque ela está sempre fazendo arte e se metendo em confusão, acreditem se quiser, mas esses dias eu estava sentada em cima da árvore bem triste, pensando onde será que a Amora Travessa escondeu meu tênis novo. E pra chamar a minha atenção, a Amora pulou e abocanhou a minha calça.

TAPETE NO CHÃO DE CASA? NUNCA MAIS!! É isso que a mamãe sempre diz, a minha mochila de vez em quando cria pernas e sai andando pela casa e o meu irmão sempre perde suas meias. E adivinhem o porquê de tudo isso acontecer? Lógico que é por causa dela, a Amora Travessa.

Damos bronca e ela fica quietinha, mas assim que viramos as costas, não dá em outra, ela começa tudo de novo.

Vocês nem vão acreditar, mas outro dia a minha irmã levou a Amora Travessa para passear e a Amora acabou escapando da coleira e fez muita bagunça, correu com caixas de papelão, comeu todo o papel que estava no chão e ainda conseguiu pegar a corda das crianças que estavam brincando no parquinho.

Amora estava bem serelepe, corria de um lado para o outro, até parecia um furacão, só que de repente ela parou bem na frente de um bueiro e começou a encarar uma coisa esquisita que estava presa nas grades. Amora Travessa entra em ação, abocanhou e puxou aquela coisa esquisita do bueiro. Descobrimos que a coisa esquisita, era só uma boneca perdida e por algum motivo a Amora correu com a boneca na boca de um lado pro outro, até que de repente ela viu uma menina triste sentada na calçada, Amora parou, olhou e colocou a boneca nos pés da menina, assim que a menina percebeu que era a sua boneca, ela ficou muito contente.

A Amora, como heroína, ganhou vários abraços e muito carinho, quando a minha irmã finalmente alcançou a Amora, a menina que havia recuperado sua boneca contou tudo que havia acontecido.

No caminho de volta para casa minha irmã disse que até estava pensando em mudar o apelido da cachorrinha de Amora Travessa para Amora Gracinha, de repente AMORA TRAVESSA entra em ação! Avistou, se preparou e correu para tentar abocanhar.

 

 

FIM



343





Acesse

Oferecimento


© 2016 Contaí. Todos os direitos reservados ao CEM Ir. Acácio | Desenvolvido por Ponks Software Development